Ministério Público abre inquérito civil para investigar empresa de ex-vice-prefeito de Altinópolis.

Autor: Nenhum comentário Compartilhe:

Após recente denúncia feita por nós (Eu) do altiaqui, via representação, junto ao ministério público do estado de São Paulo, comarca de Altinópolis, sobre irregularidades cometidas pela empresa “Hotel Pousada Águas de Altinópolis Ltda”, mais conhecido na cidade como “Hotel Vila das Palmeiras”, de propriedade de Luis Valter Ferreira (PSDB), ex-vice-prefeito na gestão 2009/2012, compondo chapa com Nanão (PMDB), o Promotor de Justiça Dr. Ivan Cintra Borges, decide abrir inquérito civil de nº 14.0186.0000262/2015-8, para apurar as possíveis irregularidades, e , se constatadas, como serão, punir os culpados na forma e na rigidez da Lei.

Ocorre que, é expressamente proibido, de acordo com Constituição Federal, e a Lei 8666/93 em seu artigo 9º, que entes políticos, forneçam qualquer tipo de serviço ou produtos para a entidade pública em que esteja ligado. Ou seja, “Ferreira” (PSDB) era vice-prefeito de “Nanão” (PMDB) na fraudulenta gestão 2009/2012, conhecia a Lei, sabia que não poderia fornecer nada com suas empresas para prefeitura onde ele era o vice-prefeito, mas mesmo assim, deu uma banana para Lei, e forneceu com seu hotel, serviços de hospedagens, pagos pela prefeitura, exatamente nos anos em que foi vice-prefeito. 2009/2012.

Estes aproveitadores de dinheiro público, sempre fizeram desta forma. Sempre elegeram como fornecedores, empresas suas e de seus asseclas. Seus pupilos, seus protegidos. Faziam isso, contando sempre coma a impunidade que reinava por aqui. Haja vista a “MÚMIA” que estava à frente do Ministério Público, antes da chegada de Dr. Ivan Cintra Borges.

Aquele engavetava tudo. Nas mãos preguiçosas daquele promotor, nada ia a diante. O Antigo promotor, chegou; sabe-se lá por que, a arquivar representação feita por mim, contra outra empresa de “Luis Valter Ferreira” (PSDB), “Astro Comercio de Peças” pelo mesmo motivo. Vender com suas empresas, contrariando e ferindo a Lei, tudo sem licitação, como se deles, “Ferreira” e “Nanão” (idênticos), fosse, não só a prefeitura e seus cofres, mas também, a cidade como um todo e cada cidadão que aqui vive. “Só não contavam com “Minha Astúcia”!

Não adianta agora, querer, dissuadir-se de “Nanão” (PMDB), (Morto politicamente por causa de seus crimes) e vir pousar de bom samaritano, como se de nada houvesse participado na já citada “fraudulenta gestão 2009/2012”. Participou sim, era o vice-prefeito, locupletou-se também do erário por intermédio de contratos ilegais com suas empresas, fez parte do governo “CORRUPTO 2009/2012”. Por tanto, apresentar-se agora como opção de nova política; chega a ser motivo de risada.

Nas mãos da justiça, após denúncia feita por nós (EU) do Altiaqui.

Se temos por obrigação de caráter e princípio honesto, limpar a administração altinopolense de todos os corruptos, em prol da cidade e de seu povo, que o façamos por inteiro.

90% dos que estiveram ao lado de “Nanão e Ferreira”, entre 2009 e 2012, e também agora, de 2013 a 2016, merecem ser olhados com muito cuidado. A maioria se deu bem de forma totalmente irregular.

Aos poucos, com nosso trabalho solitário, nós estamos conseguindo apontar um por um. PORÉM…. Se você na hora do voto; mais uma vez se trair, aí velho…. Você que se dane!

Limpando a casa para uma administração boa para todos.

Altiaqui- Ademir Feliciano

 

 

Artigo Anterior

Isso estava em meu pulmão!

Próximo Artigo

3º Encontro de Carros Antigos em Santo Antônio da Alegria!

Confira também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *