“O Pau ta Moendo na Prefeitura”!

Autor: Nenhum comentário Compartilhe:

Reunião acontecendo agora na prefeitura municipal de Altinópolis, sem hora para terminar.

 

Assunto: Saúde.

Tema mais debatido: Demissão de Funcionários e Médicos.

Porque? Caos Total No Hospital.

 

Segundo nosso informante, que está acompanhando a reunião e nos passando informação via mensagem de texto, o Vice-Prefeito Roberval, em exercício após férias do Nanão, já teria bradado na referida reunião: “Eu não demito mais ninguém, nem médicos e nem funcionários”.

 

Há informações que o Secretario de Saúde, Jô Dentista, já tem em mãos um projeto de Lei de autoria do prefeito, para ser encaminhado à Câmara de Vereadores, solicitando o que? Claro! Mais repasses de verba para o hospital. Algum vereador em sã consciência, votaria a favor de mais verbas depois da roubalheira que houve no “misericórdia”? Só se for maluco ou pau mandado. Maluco não são, mas ………..

 

O fato é: Crise total instituída e criada por conta da cretinice de uma administração cretina. Agora, para cortar gastos, demite-se funcionários e médicos. Quem deve ser demitido é o prefeito e sua corja. Estes sim, meteram a mão na cumbuca.

 

É tudo muito triste, mas, muito mais triste ainda vai ficar.

Plantaram, então, colham!

 

O Hospital de Misericórdia de Altinópolis, está à beira do caos. Culpa de Nanão e sua corja e da maioria absoluta dos vereadores que votaram tudo, aprovaram tudo e nunca fiscalizaram nada.

Nanão” e sua corja: (Um bando de salteadores do erário público).

Vereadores que votaram tudo a favor: (ignorantes ao extremo que sequer sabem o que votam, mas sabem porque votam).

 

Ai da no que dá.

 

Ademir Feliciano

 

Artigo Anterior

João Batista Mateus de Lima recorre de decisão judicial contra “Altiaqui” e perde novamente!

Próximo Artigo

Ministério da Saúde suspende transferências de recursos e exige ressarcimento dos valores repassados de forma “Fraudulenta” ao Hospital de Misericórdia de Altinópolis.

Confira também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *