Prefeito registra BO sobre suposto desvio de dinheiro

Autor: Nenhum comentário Compartilhe:

 

Quinta, 14 de Fevereiro de 2013 – 09h39

Segundo o prefeito, dinheiro da prefeitura era transferido para a conta de um parente do servidor municipal

Wesley Alcântara

O prefeito de Altinópolis, Marco Ernani Hyssa Luiz, o Nanão (PMDB), registrou boletim de ocorrência após denúncia feita pelo Controle Interno da Prefeitura sobre a suspeita que um servidor do Departamento de Licitações estaria desviando dinheiro público.
A suspeita é que pelo menos R$ 10 mil teriam sido transferidos da conta bancária da prefeitura para a conta de uma parente do funcionário municipal.

Além de recorrer à Polícia Civil, o prefeito abriu também uma sindicância.

O objetivo será apurar a participação de outros servidores ou a existência de um possível esquema mais antigo de desvio de dinheiro dentro da prefeitura.

De acordo com o prefeito, o servidor fazia pagamentos para serviços realizados dentro de seu próprio departamento para empresas que não existiam.

“Ele fez um processo como tivesse contratado uma empresa para prestar serviço. Mas essa empresa não existe. O dinheiro era transferido para a conta bancária de um parente”, disse.

Com a abertura da sindicância, o servidor permanecerá afastado de suas funções até a conclusão da investigação.

Segundo o prefeito, ele cumpre no momento período de férias.
A Polícia Civil também abriu inquérito para apurar o caso e já começou a ouvir funcionários da prefeitura.

Mudança de regras
Para averiguar se mais dinheiro foi desviado da prefeitura nos últimos anos, Nanão determinou uma varredura em todos os procedimentos de pagamentos de serviços ou obras contratadas.
“Mudamos também o procedimento envolvendo o pagamento eletrônico, que era feito com senha restrita”, disse.

Outra determinação envolve a avaliação de todos os documentos do setor onde o funcionário trabalha.

A expectativa do prefeito é que a sindicância seja concluída dentro de 30 dias. Logo após a sindicância, é aberto um processo administrativo.

Nanão enfrenta segunda polêmica
O caso de suposto desvio de dinheiro público da prefeitura de Altinópolis é a segunda polêmica deste novo mandato do prefeito Marco Ernani Hyssa Luiz, o Nanão (PMDB).

A Câmara de Vereadores instalou na semana passada, por unanimidade, uma CEI (Comissão Especial de Investigação) para apurar supostas irregularidades que teriam sido cometidas pela prefeitura na reforma de todos os postos de saúde do município – fechados desde o início de janeiro deste ano.

Segundo o presidente da CEI, vereador Ívano José Zuccolotto Filho, o Jô Dentista (PPS), os quatro parlamentares que propuseram a abertura da comissão de inquérito receberam cópias de notas de empenho de serviços nas unidades de saúde que supostamente já teriam que estar concluídos.

Fonte : Jornal a Cidade

 

Artigo Anterior

“Até tu William”

Próximo Artigo

“C.E.I” dos postos de saúde começa a ser convocada.

Confira também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *