//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js

O COMÍCIO DA IMORALIDADE E DA IMUNDICIE!

Autor: Nenhum comentário Compartilhe:

 

O COMÍCIO DA IMORALIDADE E DA IMUNDICIE!

E se fez a justiça


Após ter feito matéria sobre o abuso cometido na “Praça Manoel Rodrigues Trancho” no parque CECAP, onde fotografei carros e funcionários da prefeitura, emporcalhando o local com panfletos de seus candidatos. Após minha indignação ao ouvir os carros de som o dia todo nas ruas anunciando que o prefeito “Nanão” convidava para comício na mesma praça, praça que estava imunda de tanto panfleto e sabendo tratar-se de crime contra a Lei Eleitoral, não me contive! Mas, não como jornalista, e sim como cidadão.

Imprimi a matéria e as fotos e apresentei denuncia junto ao Juízo da 202º Zona Eleitoral Comarca de Altinópolis.

Em poucos minutos obtive enquanto cidadão a conclusão da Meritíssima Juíza Dra. Maria Esther Chaves Gomes, que dentro da mais imparcial legalidade, o que é peculiar de tão honrada e Justa Juíza de Direito. (Como faz bem saber que no Judiciário temos Juízes como Dra. Maria Esther Chaves Gomes).

Determinou a Juíza, amparada pelo artigo 11 da resolução TSE nº 23.191/2010 que proíbe a veiculação de propaganda em bens que pertençam ao poder público, e no uso de Poder de Policia conferido pelo artigo 76 § 1º, 2º e 3º da mencionada resolução, e tem por finalidade garantir a normalidade do processo eleitoral e a igualdade de oportunidade entre os concorrentes, “proceda-se à imediata busca e apreensão do material relacionado. A providencia deve ser tomada uma vez que a concessão de prazo para tanto não se coaduna com a situação concreta, onde evento determinado – comício – a propaganda vedada poderá exaurir em curto prazo todo seu potencial lesivo às outras candidaturas”.

“Fica autorizada, desde já, a requisição de apoio policial, caso se faça necessária para o êxito da medida”.

Só com a conclusão da Meritíssima senhora Juíza, eu não precisaria falar mais nada, mas não me contenho e tenho que desabafar.

Foi cometido nesta cidade pelo poder executivo que deveria dar o exemplo, um grave crime eleitoral que não ficará só na retirada das placas de propaganda conforme determinou a juíza, uma lei das mais serias foi desrespeitadas; e enquanto cidadão: estarei ainda no dia de hoje, baseado na lei e nos documentos probatórios que colhi, representando contra os responsáveis por este crime junto ao TER/SP.


Basta! Chega de impunidades seja aqui,ou onde quer que seja.

 

As fotos aqui postadas mostram o momento em que foi cumprida a determinação judicial com o apoio da Policia Militar.

Quero fazer mais um alerta a você eleitor, olhem bem para os rostos dos candidatos nas placas, guardem suas fisionomias e veja quem os estava apoiando enquanto autoridades do município. Emporcalharam sua praça, usaram a maquina pública e nem eleitos ainda foram.

Se descumprem uma lei que deveriam enquanto políticos que são, ter embaixo do braço e na ponta da língua, imaginem depois de eleitos.

Essa terra tem leis e justiça sim, a prova foi dada no dia de ontem e mais uma vez se mostra que basta procurá-la e ela se fará cumprir.

DENUNCIEM! Percam qualquer tipo de medo ou represália quando estiverem amparados na lei, e a lei é para todos nós, todos sem exceção.

A praça foi limpa como manda a lei, o comício aconteceu, mas guardem os rostos de quem emporcalhou e de quem ajudou a BURLAR sem o menor pudor uma lei brasileira.

Eleição é uma das coisas mais serias e democráticas que temos; eu vou denunciar toda e qualquer quebra ou tentativa de quebra das regras e CLAMO a vocês que façam o mesmo.

Leiam o que diz a lei eleitoral, é de fácil compreensão; e pratiquem, façam valer seu direito de cidadão.

Justiça para quem descumpre as leis sejam eles quem for!

A cidade é do povo e o povo pode mudar tudo.

Foi nojento ver a praça como eu vi, e o desdém de alguns que acharam que ia ficar por isso mesmo.

Vale ressaltar que não vi sequer uma placa do candidato Netinho de Paula, talvez ele sim cumpra a lei.

Quem seria eu para isso, mas vou parabenizar a Excelentíssima Senhora Juíza da Comarca de Altinópolis e dizer que nos conforta; te-la entre nós para nos dar amparo legal.

Ademir Feliciano

Filiado à ABRAJIAssociação Brasileira de Jornalismo Investigativo

 

 

Artigo Anterior

E AI GEEENNNTE????????

Próximo Artigo

PREFEITURA USA DA MAQUINA PÚBLICA EM BENEFICIO DE SEUS CANDIDATOS!

Confira também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.