ALTINÓPOLIS EXPÕE EM PRAÇA PUBLICA O MAIOR ESPETACULO DE SANTOS REIS DA TERRA! (parte 1)

Autor: Nenhum comentário Compartilhe:


ALTINÓPOLIS EXPÕE EM PRAÇA PUBLICA O MAIOR ESPETACULO DE SANTOS REIS DA TERRA! (parte 1)

Se Altinópolis já era considerada uma das mais belas festas de Santos Reis do Brasil, a partir da apresentação de ontem, com toda certeza, galgara o titulo de A MAIOR E MAIS LINDAS entre todas que se aventuram a promover tal evento.

Momentos de rara beleza foram proporcionados por verdadeiros artistas locais. Emoção, fé, diversão e pura arte se entrelaçaram e causaram o que ouso chamar de: Momento Bravo da Expressão Cultural de um Povo.

Tão grandioso foi evento, que seremos obrigados a dividir essa matéria em partes, e mesmo assim não sei se conseguirei transportar para Ca com a fidelidade merecida, a magnanimidade da noite de ontem 23/01/2010 na Praça da Matriz.

 

ABERTURA EM CORDAS DE ENCANTAMENTO.

Garotos do projeto Sabiá, sob a regência do Maestro Guilherme da Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto deram a abertura, prenunciando o que seria a noite de ontem.

A Orquestra de Cordas, formada por meninos e meninas do projeto Sabiá, encantou a todos os presentes e foi aplaudida não só após cada numero apresentado com é de costume, mas sim durante a execução das obras. E o altiaqui presente ao local, ouviu com exclusividade o Maestro Guilherme.

Altiaqui: Maestro com toda sua experiência frente à Orquestra Sinfônica de Ribeirão Preto, esse tipo de apresentação recém terminada, ainda lhe emociona?

Maestro: Sim emociona muito ver que as crianças às vezes inocentemente, sem saber que instrumentos elas estão pegando, só pelo som bonito que elas ouvem acharem que é simplesmente pegar e sair tocando, e o inicio é um pouco mais difícil, mas o bonito e ver a perseverança e a vontade e em pouco tempo conseguirem fazer o que vimos aqui.

Nossa Orquestra está com um ano e quatro meses, e no final do ano passado eu já havia me surpreendido com a apresentação que fizemos aqui no cinema, pois já estávamos com um repertorio de quinze musicas. Eu trabalho em mais dois projetos musicais e posso afirmar que essa Orquestra tem Diferencial.

Altiaqui : O fato de serem de certa forma crianças de um projeto social, portanto com poder aquisitivo menor , sem condições as vezes de pagar por aulas de musicas. Isso leva a uma maior emoção, ou seja, faz toda a diferença?

Maestro: Claro que sim, veja você que elas não vem só carentes do material, mas elas vem carentes de cultura, carentes de atenção, e o projeto da isso tudo, por que estando dentro de uma Orquestra, elas estão também cercadas de pessoas que logo serão seus amigos, e quando se começa a produzir musica isso faz bem a alma, e supre todas as necessidades, não só materiais, mas humanas.

Altiaqui: O senhor já pode apontar um talento surgindo desta Orquestra de Cordas Maestro?

Maestro: Posso te garantir isso, inclusive nosso Violoncelista, o Igor, já esta indo fazer aulas em Ribeirão Preto com um professor estrangeiro polonês que viu nele realmente um talento, e lhe digo que não só no violoncelo, mas estão surgindo sim outros talentos.

Ouvimos também a coordenadora do Projeto Sabiá, Valquíria que estava emocionada ao final da apresentação.

Altiaqui: Valquíria nos fale um pouco do projeto Sabiá.Orquestra de Cordas.

Valquíria: Esse projeto teve inicio a dois anos atrás, com patrocínio do banco HSBC , o início foi lento, afinal é um processo lento, mas veio crescendo. Nosso patrocínio com o banco termina agora em maio, mas graças a Deus conseguimos aprovar junto ao Governo do Estado, um edital publico, onde o governo do estado junto com Ministério da Cultura, estão fazendo um investimento para que esses projetos não morram, e nosso projeto foi aprovado. Então a partir de 2010 até o fim de 2012 teremos o patrocínio do governo de estado e do Ministério da Cultura par poder continuar tanto com a orquestra de Cordas, quanto com outras tradições de manifestações culturais como: festa de reis, congo, e outras que vamos resgatar durante esse período.

Altaqui: Qual a media de idade dos meninos da Orquestra?

Valquíria: Temos garotos de sete a quinze anos, então, a media gira em torno de onze, doze anos.

Altiaqui: Quem quiser participar do projeto como deve fazer?

Valquíria: Todo aquele pai que quiser estar incentivando o filho a participar do projeto Orquestra de Cordas: nos estamos na estação ferroviária, as vagas estão abertas, e qualquer criança que tiver vontade de aprender um instrumento, vontade de participar, nós estamos s disposição.

Altiaqui: Quais os requisitos para essa participação?

Valquíria: Bem: a criança deve estar estudando, mas inclusive aquele que não estiver cursando o ensino formal, e quiser participar, basta que nos procure que nós incentivaremos também o seu retorno aos estudos.

Altiaqui: Vou lhe fazer a mesma pergunta que fiz ao maestro. Você já percebe algum talento surgindo nesse projeto?

Valquiria: Um de nossos garotos foi convidado pela escola de musica da USP de Ribeirão Preto, ele tem 13 anos o nome dele é Igor, tem um potencial tão grande que escola de música da USP não quer esperar a idade de vestibular para ele tentar uma universidade de musica. E ele já esta lá. Nós estamos subsidiando, e duas vezes por semana ele vai Ribeirão Preto fazer as aulas, e temos certeza que em breve o estaremos aplaudindo em outros palcos.

Altiaqui: Muito obrigado e parabéns pelo projeto.

Valquíria:Eu que agradeço e espero que o site altiaqui nos apóie, precisamos de uma força na divulgação e é com esse tipo de força que teremos condições de levar a diante a expressão da cultura, da arte, e principalmente o incentivo ao jovem altinopolense.

Só nos resta dizerBRAVO!

Quero deixar expressado aqui o compromisso do site altiaqui com o projeto e com os alunos, estamos abertos a ajudar no que pudermos, contem com nosso apoio e divulgação.

È a região de frente com a cultura e com a informação.

Ademir Feliciano

 

Artigo Anterior

Inscrições para concurso dos Correios são prorrogadas até dia 29

Próximo Artigo

AUTORIDADES MANIFESTAM-SE (parte 2)

Confira também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *